Mensagem para a equipe Unimed:
Divulgue esse artigo para seus cooperados credenciados!

Requisitos para Viabilidade de Migração de Dados

O serviço de migração de dados oferecido pela Amplimed possibilita a portabilidade dos seus dados provenientes de sistemas de terceiros. Este documento trata dos requisitos mínimos necessários para elegibilidade e do processo de realização da migração, desde o envio do primeiro backup até a execução da versão final.

Canal de Comunicação para Informações
de Solicitação de Extração de backup

Toda comunicação com a equipe de migração deverá ser feita pelo e-mail:

migracao@amplimed.com.br

Tìtulo e-mail: Nome da Clínica + Código da Clínica na Amplimed.

Corpo do e-mail: Citar nome do Sistema Legado e versão.
Agenda: Data e hora da disponibilidade para a reserva.

Contatos da base: Nome e telefone,cel/email da clínica ou responsável.

Contatos do analista Unimed que estará acompanhando: Nome e telefone,cel/email.

Reservas, cancelamento e reagendamento de agendas de extração de backups serão solicitadas exclusivamente por e-mail!
Prazo de resposta: Em até 1 dia útil.

Em caso de qualquer intempérie durante e relacionada a extração, a equipe da singular poderá conversar com o analista Amplimed de migração e retirar a dúvidas necessárias pelo contato: (49) 9 9970-0252 (whatsapp)

Formatação dos Dados

A viabilização da migração depende única e exclusivamente da legibilidade e consistência dos dados enviados. Para isso, recomendamos os seguintes formatos:

Planilhas

  1. Excel (XLSX);

  2. Delimited File (CSV);

  3. Microsoft Access (MDB e ACCDB).

Backups

Para esses casos, todas as informações necessárias para a replicação do ambiente devem ser fornecidas pelo cliente:

  1. PostgreSQL;

  2. SQL Server;

  3. MariaDB;

  4. FireBird.

Imagens e Documentos

Podem ser migrados desde que não estejam sob nenhuma criptografia ou codificação que impossibilitem a leitura dos arquivos:

  1. Arquivos PDF;

  2. Arquivos de Imagem: PNG, JPG, BMP;

  3. BLOB (direto de um banco de dados);

  4. BYTEA (direto de um banco de dados).

Outros formatos (não listados acima) também podem ser aceitos, desde que submetidos à equipe de migrações para uma avaliação de viabilidade.

Integridade dos Dados

A estrutura de armazenamento dos dados difere de sistema para sistema, ou seja, cada sistema armazena os dados de uma forma diferente. Para garantir uma migração íntegra, é necessário que o backup enviado contemple os relacionamentos entre as diversas tabelas que compõem as informações que serão migradas.

Informações Passíveis de Migração

Para a realização de uma migração de dados de qualidade, recomendamos que no mínimo as seguintes informações para as tabelas que serão migradas estejam presentes no backup enviado:

Cadastro de Convênios

  • Código do convênio no sistema legado;

  • Nome do convênio.

Cadastro de Procedimentos

  • Código do procedimento no sistema legado;

  • Nome do procedimento.

Cadastro de Pacientes

  • Nome;

  • Data de nascimento;

  • Sexo;

  • RG;

  • CPF;

  • Dados de endereço;

  • Telefone / Celular;

  • E-mail;

  • Convênio do paciente.

Agendamentos

  • Data e Hora;

  • Identificação do paciente;

  • Identificação do médico;

  • Identificação do convênio;

  • Identificação do procedimento;

  • Status do agendamento.

Prontuários

  • Data;

  • Identificação do paciente;

  • Identificação do médico;

  • Dados do prontuário.

Documentos Gerados

Todo e qualquer tipo de documento que tenha sido emitido em nome dos pacientes, como: atestados médico, solicitações de exames, receitas médicas, entre outros.

  • Data;

  • Tipo do documento;

  • Identificação do paciente;

  • Identificação do médicos;

  • Texto do documento.

Modelos de Documentos

  • Nome do modelo;

  • Texto do modelo.

Modelos de Prescrição

  • Nome da medicação;

  • Prescrição em texto formatado.

Imagens e Documentos

  • Data;

  • Identificação do paciente.

Outras informações podem ser incluídas quando possível, desde que seja acordado com a equipe de migração após a avaliação de viabilidade.

O objetivo da migração é manter no sistema da Amplimed um histórico dos dados que foram portados, viabilizando e facilitando o acesso às informações outrora presentes somente no sistema de origem. Podem haver diferenças de formatação e apresentação desses dados, uma vez que o sistema de origem e o sistema da Amplimed estão estruturados de formas diferentes.

Extração dos Dados

A extração dos dados pode ser realizada das seguintes formas:

  1. Responsabilidade do Cliente: a clínica solicitante pode realizar a extração e envio dos dados para a equipe de migração responsável via e-mail ou backup em nuvem;

  2. Intermédio do Suporte do Sistema Legado: a clínica solicitante pode requerer um backup dos dados com a empresa responsável pelo sistema legado;

  3. Intermédio da Equipe da Unimed + Amplimed: há a possibilidade de extração dos dados por intermédio de um técnico da equipe da Amplimed. Nesses casos, o contato com a Amplimed é intermediado pela equipe da Unimed, que acompanhará todo o processo, além disso, a clínica deve se prontificar a prestar todo o suporte necessário para o acesso e extração dos dados.

Observações: A dinâmica de acesso ao backup pela equipe Amplimed se aplica para os sistemas locais e aos sistemas em nuvem que disponibilizam via menu a própria opção de extração de dados. Caso seu sistema web necessite realizar a solicitação por outro canal e / ou processo, a clínica deverá seguir com a solicitação.

Fluxo do Processo de Migração

Para garantir uma migração de dados de qualidade, implementamos um fluxo de execução dividido em duas principais etapas: validação em ambiente de homologação e migração final na base em produção.

Clique na imagem para expandir.

Validação do backup pela equipe de TI da operadora

Caso sua singular realize a dinâmica de intermediar o processo, auxiliando a clínica na extração de dados e envio para a Amplimed, pedimos que se atentem e realizem a validação de:

  • Foram enviadas todas as tabelas do backup? Verifique se todos os dados solicitados pelos profissionais constam no backup!

  • O backup necessita de senha para ser extraído os dados do arquivo? Envie junto ao backup as credenciais de acesso!

  • Há alguma prazo para acessar o link de hospedagem do backup? Envie junto ao backup os prazos!

Seguindo as boas práticas acima e outras possíveis evitamos atrasos na entrega do ambiente de validação da migração.

Versões de Validação e Versão Final

Conforme ilustrado no fluxo acima, o processo de migração é dividido em duas etapas: uma ou mais versões de validação em ambiente de homologação, e por fim a versão final, já validada e aprovada pelo cliente, em ambiente de produção, encerrando assim o processo de migração.

Versões de Validação

As versões de validação serão executas em ambiente de homologação, ficando disponíveis para validação por até 15 dias após a realização. Essas versões servem única e exclusivamente para que o cliente tenha contato com o resultado final da migração, podendo solicitar e sugerir alterações ou melhorias caso necessário.

!! Atenção: Para as migrações de validação, um ambiente de homologação será disponibilizado. Esse ambiente é completamente isolado da base em produção e as alterações nele realizadas não serão persistidas !!

Para mais orientações sobre como utilizar o ambiente de homologação, consulte nosso artigo.

Versão Final

Após a aceitação da última versão de validação, com a confirmação do cliente de que os dados foram migrados corretamente, a versão final poderá ser agendada e executada nos moldes dessa última versão de validação. Recomendamos a extração de uma nova versão dos dados se houverem alterações e/ou novos registros inseridos pela clínica no sistema legado durante a etapa de validação. A realização da versão final de migração é o marco de encerramento do processo, não sendo executadas novas versões ou alterações.

Prazo para análise de viabilidade da migração

O tempo de finalização de todo o processo de migração dependerá da estrutura de dados do backup e elaboração dos scripts necessários para importar os dados.
Já temos expertise em mais de 90 sistemas do mercado, e crescendo a cada dia.
Em posse do backup, a equipe Amplimed fornecerá o feedback com o prazo estimado da migração e validação em até 3 dias úteis.

Canal de Comunicação

Toda comunicação com a equipe de migração deverá ser feita pelo e-mail:

migracao@amplimed.com.br

Considerações

Uma vez respeitadas as recomendações supracitadas, uma avaliação técnica dos dados recebidos será realizada. Se constatada a viabilidade da realização da migração, um responsável entrará em contato para dar início ao processo.

Ressaltamos que a Amplimed não é responsável pela guarda legal do backup dos dados fornecido pelo sistema legado, função essa que é única e exclusivamente responsabilidade da clínica e seus responsáveis.

Ainda tem alguma dúvida?

Entre em contato com a equipe de apoio ao cooperado da singular Unimed responsável pela sua clínica ou também utilize o chat integrado ao Amplimed para conversar com nosso suporte!

Encontrou sua resposta?