O CSV To Excel transforma arquivos em formato CSV em arquivos XLSX.

Você pode gerar apenas 1 arquivo de Excel por execução.

Dê uma olhada nos parâmetros de configuração do componente:

  • Multiple Sheets: se “true”, múltiplos arquivo CSV vão resultar em múltiplas planilhas; do contrário, apenas 1 arquivo CSV vai ser criado.
  • Excel File Name: nome do arquivo que será salvo - se o campo estiver vazio, será considerada a propriedade "fileName".
  • Maximum File Size: tamanho máximo permitido para o arquivo (em bytes).
  • Charset: codificação do nome para a leitura do arquivo - veja mais sobre java.nio.charset.Charset.
  • CSV File Name: nome do arquivo ou caminho completo do arquivo (ex.: tmp/processed/file.txt) - expressões em Double Braces são suportadas.
  • Sheet Name: nome da planilha de Excel - se o campo estiver vazio, a planilha será salva como "Sheet1".
  • Delimiter: delimitador no qual o CSV está configurado.
  • Fail On Error: se “true”, a execução do pipeline é interrompida; caso contrário, a execução do pipeline continua normalmente.

Alguns dos parâmetros acima aceitam Double Braces. Para entender melhor como funciona essa linguagem, leia o nosso artigo clicando aqui.

CSV to Excel em Ação

Utilizando múltiplos arquivos CSV de uma só vez

Você deve habilitar a opção Multiple Sheets para que seja possível especificar múltiplos arquivos CSV na geração de novas planilhas. Isso vale tanto para arquivos de Excel existentes ou inexistentes.

Se você precisar criar novas planilhas dentro de um arquivo Excel existente, não deixe de informar o nome desse arquivo no campo Excel File Name. Assim, o arquivo é atualizado com as novas planilhas.


Mas se você quiser criar um novo arquivo de Excel com essas planilhas, então não preencha o campo Excel File Name (ou preencha com o nome de um arquivo inexistente).

Utilizando um arquivo CSV

Insira o nome do arquivo CSV a ser utilizado na criação de uma nova planilha no campo Excel File Name.


Se você precisar criar novas planilhas dentro de um arquivo Excel existente, não deixe de informar o nome desse arquivo no campo Excel File Name. Assim, o arquivo é atualizado com as novas planilhas.


Mas se você quiser criar um novo arquivo de Excel com essas planilhas, então não preencha o campo Excel File Name (ou preencha com o nome de um arquivo inexistente).

IMPORTANTE: desaconselhamos a criação de uma nova planilha em um arquivo de Excel já existente e grande (com uma ou mais planilhas com alta quantidade de dados), já que para criar as novas planilhas é necessário abrir o arquivo de Excel inteiro e isso consome muita memória. Por outro lado, isso não acontece quando um novo arquivo de Excel é criado de uma vez só com múltiplas planilhas - nesse caso, utiliza-se um stream no processo de criação.

Exemplos de configuração

1. O exemplo que você vê abaixo vai resultar na geração de um arquivo XLXS e todas as colunas e linhas do CSV serão lidas como string:

{
       "type": "connector",
       "name": "csv para excel-connector",
       "stepName": "csv-test",
       "params": {
            "fileName": "{{message.fileName}}",
            "excelFileName": "arquivo",
            "delimiter": ",",
            "failOnError": false
       }
}

 

2. Veja quais são os tipos de configuração para algumas colunas:

{
       "type": "connector",
       "name": "csv para excel-connector",
       "stepName": "csv-test",
       "params": {
            "fileName": "{{message.fileName}}",
            "excelFileName": "arquivo",
            "cellDefinitions": "[{\" column \ ": \" A \ ", \" type \ ": \" NUMBER \ "}, {\" column \ ": \" B \ ", \" dateFormat \ " : \ "dd-MM-aaaa \", \ "type \": \ "DATE \"}, {\ "column \": \ "C \", \ "type \": \ "BOOLEAN \"}] ",
         "delimiter": ",",
         "failOnError": false
       }
}

     
IMPORTANTE: a manipulação de arquivos dentro de um pipeline é feita de maneira protegida. Todos os arquivos podem ser acessados apenas em um diretório temporário, onde cada KEY do pipeline tem acesso ao seu próprio conjunto de arquivos.

 

Encontrou sua resposta?