Todas as coleções
Medição de emissões
Medição de emissões de Combustível
Medição de emissões de Combustível
Atualizado há mais de uma semana

Esse guia fornece instruções para o cálculo das emissões decorrentes do consumo de combustiveis pela sua empresa. Ao final desse guia, você terá aprendido como coletar corretamente os dados de consumo de combustível da sua empresa e como medir as emissões usando o software Compensa.

Passo 1: Defina o período de tempo da sua medição

Comece selecionando o período de tempo para a medição das emissões. Determine se deseja medir as emissões para um mês específico, um trimestre ou um ano. Isso servirá como base para seus cálculos de emissões.

Passo 2: Colete informações sobre o consumo de combustível

Colete dados sobre o consumo de combustível pela sua empresa durante o período de medição escolhido. Para cada instância de consumo de combustível, registre os seguintes detalhes:

  1. Data de compra: registre a data em que o combustível foi comprado (ou consumido). Isso é importante para identificar corretamente a composição do combustível, pois, por exemplo, o percentual de etanol na gasolina ou de biodiesel no diesel variam no tempo. Além disso, isso permitirá rastrear o consumo ao longo do tempo e identificar tendências sazonais ou variações.

  2. Tipo de Combustível: Especifique o tipo de combustível utilizado. Exemplos comuns incluem gasolina, diesel, etanol, gás natural veicular (GNV), gás liquefeito de petróleo (GLP) e outros. Escolher o tipo correto é crucial, pois as taxas de emissão variam entre diferentes combustíveis.

  3. Quantidade de Combustível Consumido: contabilize a quantidade de combustível consumida em litros ou na unidade de medida apropriada para o tipo de combustível (você pode conferi-las no nosso Glossário). A quantidade pode ser obtida diretamente das notas fiscais de compra ou de sistemas de controle de compras da sua empresa.

  4. Tipo de Equipamento: Identifique o equipamento em que o combustível foi usado. É importante diferenciar entre veículos e equipamentos estacionários, como geradores, fogões ou caldeiras. A taxa de emissão de gases de efeito estufa varia entre essas duas categorias, e essa distinção é necessária para seguir as diretrizes do GHG Protocol.

  5. Segmentação de consumo (opcional): Opcionalmente, você pode quebrar o consumo de combustível por cliente ou fornecedor envolvido. Isso pode ser útil para rastrear e relatar emissões específicas relacionadas a transações ou contratos específicos. No entanto, essa etapa é facultativa e não afeta o cálculo geral de emissões. Caso não consiga quebrar seu consumo por cliente/fornecedor com precisão, você pode fazer o cálculo de todo consumo e depois dividir as emissões por cliente usando um fator fisico ou econômico de referência, como a fração de distância percorrida ou de receita por cliente.

Passo 3: Registre as informações na Plataforma

Após reunir todas as informações necessárias, acesse a seção de medição de combustível na Plataforma Compensa. Preencha os campos fornecidos com as informações coletadas, garantindo que as informações estejam corretas e atualizadas.

(Opcional) Passo 4: Gerence suas medições

Para as medições de combustível, não é possível editar ou atualizar as informações já registradas. Caso precise corrigir um dado inserido incorretamente, será necessário excluir a medição anterior e realizar um novo registro. Para fazer isso, acesse a tela "Ver Emissões de Combustível", selecione as emissões que deseja deletar e clique no botão da lixeira para excluir a medição.

Se você tiver mais dúvidas ou precisar de assistência adicional, nossa equipe de suporte estará pronta para ajudar.

Respondeu à sua pergunta?